10 Coisas que você precisa saber antes do Implante de Silicone nos Seios

O Brasil é o segundo país que mais realiza procedimentos estéticos cirúrgicos e não-cirúrgicos no mundo, ficando atrás apenas dos Estados Unidos. O Implante de Silicone nos Seios é a terceira cirurgia plástica mais popular do mundo e a segunda mais popular por aqui. Por ela ser tão famosa, algumas questões podem passar batidas. Pensando nisso, aqui está uma pequena lista de fatos e dicas sobre o implante de silicone nos seios.

1. Sua primeira cirurgia de mama provavelmente não será a última. Os implantes não duram para sempre. A Sociedade Americana de Cirurgia Plástica recomenda a realização de uma ecografia mamária a cada 3 anos para analisar o estado dos implantes. Na evidência de ruptura (evento raro), faz-se necessária a troca! Outros critérios comuns de troca são variações grandes de peso ou gestação, que podem tornar os seios caídos.

2. Você não pode ir de seio pequeno a seio enorme de uma vez só. É importante definir metas realistas. Seu corpo e pele precisam de tempo para se adaptarem às mudanças. Além disso, próteses muito grandes aumentam as chances de desenvolvimento de estrias! Portanto, o cirurgião provavelmente sugerirá que você aumente o tamanho dos implantes aos poucos.

3. Você pode perder sensação em seus mamilos. Perda de sensibilidade nos mamilos é mais comum naquelas pacientes que optam pela colocação dos implantes por via periareolar . É provável que a sensibilidade volte com o tempo, mas algumas partes podem ficar menos sensíveis.

4. Você não é uma boa candidata se: não tiver terminado a fase de crescimento (puberdade), se estiver muito acima do peso ideal (obesidade) ou se fuma. Estes fatores aumentam os riscos e complicações durante e após a cirurgia. Se você tem quaisquer problemas médicos significativos, você precisa ser avaliada e liberada antes da cirurgia.

5. Não entre na consulta decidida sobre o tamanho da prótese e o tipo de incisão. Você e seu cirurgião decidirão juntos qual incisão é melhor para você: incisão axilar, incisão no sulco da mama (sulco inframamário), ou através da aréola (periareolar). O seu médico levará em consideração o tamanho da sua mama e a forma, seu tecido mamário, e uma série de outros fatores antes de recomendar as melhores opções para você e seu corpo.

6. Seios aumentados irão afetar a sua postura. Se você escolher um tamanho do implante proporcional ao seu corpo, você vai perceber pouco efeito sobre a sua postura.

7. Certifique-se que seu médico tem conhecimento de quaisquer medicamentos ou suplementos que você toma. Certos medicamentos, como a aspirina ou anti-inflamatórios, podem causar problemas de hemorragia durante e após o procedimento. Siga cuidadosamente as instruções do seu médico e não tome estes medicamentos por algumas semanas antes da cirurgia.

8. Na noite anterior ao seu procedimento: tome banho e lave as áreas cirúrgicas com sabão antimicrobiano. Depois do banho, não use maquiagem, hidratantes, óleos, cremes, loções ou desodorante. Quando for fazer a cirurgia, use roupas largas que se abrem na frente e sapatos confortáveis, fáceis de colocar.

9. É possível que você estranhe seus novos seios no começo. É comum que as pacientes sintam os seios pesados por causa do novo tamanho e do inchaço, além de não estarem acostumadas com o novo visual. Essa sensação passa logo.

10. Antes de decidir pela cirurgia, se pergunte:

• Quanto a minha situação atual me incomoda?
• Por que eu quero este procedimento?
• Eu posso lidar com o tempo fora do trabalho?
• Quanto estou disposta a me expor a determinados riscos?

Quer saber mais sobre os benefícios da Prótese de Silicone para você ou familiar?

Agende sua consulta, ou ligue agora mesmo para nosso consultório (51)3517-5480 e faça seu agendamento. Será um prazer conversar pessoalmente com você!

Comente no Face

Leave A Response

* Denotes Required Field